quarta-feira, 1 de julho de 2020

Veja dicas de exercícios físicos em casa para todas as idades e se mantenha ativo na quarentena

O isolamento social recomendado pela OMS (Organização Mundial da Saúde) contra o coronavírus fechou parques e academias. Sem os locais tradicionais para exercícios físicos, a alternativa é manter-se ativo mesmo em casa. A USP (Universidade de São Paulo) elaborou uma pequena cartilha e disponibilizou aulas online com exercícios simples para serem realizados em qualquer local (veja abaixo).

O professor Bruno Gualano, do grupo de Fisiologia Aplicada e Nutrição da Faculdade de Medicina da USP, diz que pessoas de todas as idades precisam praticar atividades físicas – de crianças a idosos. “É importante ressaltar que a pessoa que possui alguma doença conhecida e é inativa precisa consultar seu médico (mesmo que à distância) antes de se engajar num programa de exercícios”, lembra o professor ao Jornal da USP.

Os benefícios da atividade física

O exercício tem função reguladora para o organismo e equilibra “o sistema cardiovascular e circulatório, o sistema endócrino, o sistema músculo-esquelético (prevenção de lesões e dores nas costas, prevenção de osteoporose), o sistema neurocerebral que regula o nosso humor, os nossos estados de ansiedade e as nossas capacidades cognitivas, memória, vitalidade e energia. Até o nosso sistema digestivo”, diz o diretor do Programa Nacional para a Promoção da Atividade Física de Portugal, Pedro Teixeira.
A atividade física moderada pode prevenir pelo menos 25 doenças, manter a boa forma com a manutenção ou perda de peso, e também proporcionar saúde mental, com redução do stress e da depressão.

Dicas para ficar fisicamente ativo durante a quarentena (cartilha da USP)




Dicas de vídeos de atividades físicas em casa 

Canais do YouTube:
Com Jornal da USP e Observador.pt  

Por Letícia J. Guedes da Redação do site Áreas Verdes das Cidades

0 comentários:

Postar um comentário

Seus comentários são muito importantes para o aprimoramento do site