domingo, 12 de julho de 2015

A Florada das Cerejeiras em São Paulo

cerejeira é a árvore símbolo do Japão e tornou-se a marca dos descendentes da comunidade nipônica que vive no Estado de São Paulo. 
Na região metropolitana da cidade de São Paulo, por exemplo, há vários parques que têm as cerejeiras em sua flora e ficam muito bonitos na sua florada, que infelizmente é curta e uma só vez por ano no inverno da região sudeste brasileira. Entre eles destacamos o Parque do Carmo, que possui um bosque fantástico com mais de 4.000 de cerejeiras, o Parque Ibirapuera, o Templo Kinkaku-ji e o Solo Sagrado de Guarapiranga. Os parques citados tem resenhas, fotos e vídeos publicados pelo site Áreas Verdes das Cidades.

Todos os anos a comunidade japonesa tem a tradição de realizar o "hanami", de sentar sob as cerejeiras e contemplá-las durante um bom período. O vento sopra as delicadas pétalas das flores fazendo com que elas se espalhem produzindo um belíssimo espetáculo da natureza, tal como acontece no Japão.

"Hanami" foi usado pela primeira vez como um termo análogo à contemplação do florescer da cerejeira no romance Genji Monogatari. Embora uma festa de contemplação de "wisteria"(popular glicínia) tenha sido também descrita, deste ponto em diante os termos "hanami" e "festa da flor" foram usados apenas para descrever a contemplação do florescer da cerejeira.

O "sakura" era originalmente usado para comemorar a colheita e para anunciar a estação de plantação de arroz. As pessoas acreditavam no "kami" (ser com poderes que um ser humano comum não tem como: espíritos da natureza, protetores ancestrais, divindades relacionadas à prática religiosa do Xintoísmo) 
no interior das árvores e faziam oferendas. Depois, eles passaram a oferecer saquê. 

Milhares de pessoas enchem os parques para realizar festas sob as árvores florescendo, e algumas vezes essas festas continuam até tarde da noite. Em mais da metade do Japão, os dias de florescer da cerejeira vêm ao mesmo tempo em que as escolas e os escritórios deixam as férias, e, portanto, festas de boas vindas frequentemente ocorrem com o "hanami".

Normalmente, as pessoas vão aos parques para guardar os melhores lugares para celebrar o "hanami" com amigos, família e companheiros de escritório muitas horas ou dias de antecedência. Em cidades como Tóquio, é também comum haver celebrações sob o "sakura" à noite. O "hanami" à noite é chamado de "yozakura". Em muitos lugares tais como o "Parque de Ueno", lanternas de papel são levantadas para o "yozakura"

As celebrações do "hanami" normalmente envolvem muita comida, bebida e música. Alguns pratos especiais são preparados e comidos na ocasião, como o "dango" e o "bentô", sendo que é comum beber "saquê" como parte da festividade.


Veja fotos tiradas nas áreas verdes mencionadas anteriormente pelo site Áreas Verdes das Cidades quando de suas visitas aos locais (Atenção! Ao "clicar" em qualquer foto, abre-se, automaticamente, o modo de exibição "Tela Cheia" de seu computador e por meio de suas teclas "Setas" (➡⬆⬅), podem ser visualizadas todas as fotos em boa resolução).

0 comentários:

Postar um comentário

Seus comentários são muito importantes para o aprimoramento do site