segunda-feira, 11 de agosto de 2014

Jardim da Orla da Cidade de Santos

Jardim da Orla de Santos

Visitamos o Jardim da Orla de Santos, cidade que fica no litoral do estado de São Paulo, em vários dias úteis e também em finais de semana. O jardim tem por volta de 219.000 m² de área numa extensão de 5,4 Km e largura entre 45 e 50 m, contando com cerca de 900 canteiros, com várias espécies da flora do tipo perene, espalhados em cerca de 7 Km de praias. É considerado como o maior jardim de orla marítima do mundo pelo "Guinness Book of Records".


Jardim da Orla de Santos

Horário de funcionamento:
Ininterrupto
Telefone:
0800 173 887 (Disk Tour da Prefeitura de Santos)
Localização:
Orla marítima de Santos, SP
Ver no mapa

Como ir ao Jardim da Orla de Santos

A orla marítima se estende por sete bairros da cidade, que são Aparecida, Boqueirão, Embaré, Gonzaga, José Menino, Pompeia e Ponta da Praia.

  1. Ônibus há muitas linhas que passam pelas avenidas Presidente Wilson, Bartolomeu de Gusmão e Vicente de Carvalho, que beiram o jardim (pesquise seus números e itinerários na CET de Santos aqui).
  2. Carro - consulte no box ao lado o link "Ver no mapa" e trace seu roteiro. Há estacionamento em trechos da orla, especialmente próximos aos canais, mas observe sempre a sinalização de trânsito no local.

Infraestrutura do Jardim da Orla de Santos

O Jardim da Orla de Santos tem por volta de 900 canteiros e mais de 80 espécies de plantas em toda a extensão e 1.800 árvores (palmeiras, chapéu-do-sol, etc.) na área ajardinada. Passa por manutenção frequente de funcionários da Prefeitura de Santos entre os quais, engenheiros agrônomos, encarregados, jardineiros, podadores e ajudantes gerais.

As plantas ornamentais dos canteiros são escolhidas por esses profissionais pela resistência à salinidade e ao vento sul, que sopra amiúde no local. As mais comuns são os biris, lírios amarelos, iris, moreias, alamandas, agapantus, crinus, lírios da paz e dracenas. A maior parte do gramado do jardim da orla é da espécie São Carlos.

O jardim é ladeado por calçadas de pedras em mosaicos, bem como por inúmeros bancos em toda sua extensão. Há uma ciclovia com cerca de 7.900 m de comprimento, margeando o jardim. Existem vários quiosques/lanchonetes que servem alimentos e bebidas, bem como chuveiros para banhistas, aparelhos para ginástica, mesas e bancos para jogos e sanitários. Algumas esculturas e monumentos estão também espalhados ao longo do jardim.

O Aquário de Santos e o Parque Roberto Mário Santini são boas atrações à parte e ficam também na extensão do jardim da orla santista.

História do Jardim da Orla de Santos

Coube ao engenheiro Saturnino de Brito a ideia da construção dos jardins em 1914. Na década seguinte, começaram a surgir áreas ajardinadas em frente aos hotéis e nos anos 1930 foi construído o primeiro trecho dos jardins. Mas seu traçado atual, curvilíneo, data de 1960. O jardim da orla de Santos virou patrimônio histórico da cidade de Santos em 2010 e, além de ganhar o registro no livro dos recordes, os moradores o elegeram como o cartão postal da cidade.
________________________________________________________________________________________________________   OBS.: Informações e programações sujeitas a mudanças e alterações. Para mais informações, ligue para o telefone 0800 173 887 (Disk Tour da Prefeitura de Santos).
Fontes: Website da Prefeitura de Santos (http://www.santos.sp.gov.br/) e Wikipédia (http://pt.wikipedia.org/wiki/Wikip%C3%A9dia:P%C3%A1gina_principal).
________________________________________________________________________________________________________

Vale a pena no Jardim da Orla de Santos

  • Caminhar pelas calçadas que margeiam o jardim bem como pelas suas alamedas, observando a flora e a praia existente;
  • Pedalar pela ciclovia, que ladeia o jardim, que tem 7.900 m de comprimento;
  • Alimentar-se e/ou tomar uma bebida em um dos vários quiosques/lanchonetes existentes no meio do jardim, contemplando-o e à praia que fica muito próxima;
  • Entreter-se jogando cartas, damas, dominó ou xadrez em diversas mesas próprias que ficam próximas aos quiosques/lanchonetes, curtindo o belo cenário que se descortina;
  • Tomar um bom banho de mar na praia que se estende por todo o jardim e
  • Contemplar, simplesmente, sentado num dos inúmeros bancos que ficam na orla do mar, o belo visual que se apresenta.
Veja vídeo do Jardim da Orla de Santos feito no local quando das visitas (sugerimos "clicar" no ícone do "YouTube" para uma melhor visualização).

Fotos do Jardim da Orla de Santos

(Atenção! Ao "clicar" em qualquer foto, abre-se, automaticamente, o modo de exibição "Tela Cheia" de seu computador e por meio de suas teclas "Setas" (➡⬆⬅), podem ser visualizadas todas as fotos tiradas do parque).


0 comentários:

Postar um comentário

Seus comentários são muito importantes para o aprimoramento do site