segunda-feira, 13 de agosto de 2018

Arborização favorece biodiversidade de aves nas cidades, diz estudo

As cidades que preservam um grande número de árvores nativas, tanto em parques quanto nas ruas e praças, reúnem mais espécies e maior número de aves, segundo o estudo do biólogo João Carlos Pena, desenvolvido em parceria com pesquisadores da Unesp e da Universidade de Salford, no Reino Unido.

O estudo contemplou 60 pontos em bairros da Região Centro-Sul de Belo Horizonte. O pesquisador usou um binóculo, gravador e medidor de decibéis para monitorar o comportamento de 73 espécies de aves.

Foram avaliadas características da paisagem, como distância dos parques urbanos, quantidade de vegetação e de impactos humanos, baseando-se no número de habitantes e no nível de ruído gerado – fator que tende a ser mitigado pela arborização urbana, que pode oferecer abrigos mais distantes da fonte do barulho, além de alimentos e locais para formação de ninhos.

Ruído nas cidades

Segundo o pesquisador, o ruído é fator crucial para a qualidade de vida dos animais no ambiente urbano. O barulho afeta diretamente a sua comunicação, pois pode atrapalhar sua percepção em relação à chegada de um predador e obrigá-los a cantar mais alto, o que altera a frequência do canto.

Tipos de árvores nas cidades

“É extremamente importante diminuir a dominância de poucas espécies e ampliar o plantio de árvores nativas, pois elas oferecem mais recursos dentro de seus ambientes naturais. Além disso, o cultivo nas cidades de árvores da flora brasileira ameaçadas de extinção pode ser importante estratégia de conservação”, analisa o biólogo.

Conexão entre parques

Há diversos trabalhos que mostram ser possível ter um bom nível de biodiversidade de pássaros em uma metrópole e, para isso, é necessário pensar não só na arborização. “Deve-se promover, por exemplo, a conexão entre os parques urbanos, com a formação de corredores ecológicos, que podem ser multifuncionais, abrigando ciclovias”, sugere.

Com site da UFMG
Letícia Jardim Guedes - Redação Áreas Verdes das Cidades

3 comentários:

  1. Poderiam disponibilizar a referência do referido artigo?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Joao Carlos Pena04/01/2020 01:05

      Obrigado por divulgar nosso trabalho! Atualmente estamos desenvolvendo mais estudos sobre biodiversidade urbana. Segue o link para o artigo - https://journals.plos.org/plosone/article?id=10.1371/journal.pone.0174484
      Qualquer duvida estou a disposicao :) (contato no artigo)

      Excluir
    2. Excelente artigo, João Carlos. Parabéns! Colocamo-nos à disposição para divulgação de outros trabalhos, envolvendo meio ambiente e sustentabilidade, que por ventura sejam produzidos por vc e a UFMG. Abs

      Excluir

Seus comentários são muito importantes para o aprimoramento do site