quinta-feira, 5 de novembro de 2015

Jardim do Conservatório no Parque Central em Nova York - EUA

Visitamos o Jardim  do Conservatório, que fica no interior do Parque Central na ilha de Manhattan na cidade de Nova Yorknum sábado do verão nova-iorquinoTem cerca de 24.300 m² de área, sendo sua entrada principal através do Portão Vanderbilt, na Quinta Avenida, entre as ruas 104th e 105th. Este magnífico portão de ferro, feito em Paris em 1894, originalmente estava diante da mansão Vanderbilt na Quinta Avenida e Rua 58th. O Jardim também é palco conhecido de inúmeros noivos que vão lá para serem fotografados, quando de seus casamentos.

Horário de funcionamento:
Das 8h até anoitecer
Recursos:
 Acessibilidade  Trilha
Telefone:
  00 XX (1) 212-310-6600
Localização:
5th Avenue com 105th Street, Nova York, 10029, EUA
Ver no mapa
Para ir ao parque há várias linhas de ônibus, entre as quais:
M1
 East Village 8 St via 5 Av
M2
 Ltd East Village 8 St via 5 Av
M3
 East Village 8 St via 5 Av
M4
 Midtown Penn St via Broadway via 5 Av
M106
West Side West End Av Crosstown

De Metrô use as linhas:
Pelham Bay Park
New Lots Avenue

De carro vá ao box ao lado e clique em "Ver no mapa", traçando seu roteiro. Como se trata de Nova York que tem um trânsito complicado, recomendamos que use o transporte público.

Para saber sobre a previsão do tempo em Nova York, clique aqui.

infraestrutura do Jardim do Conservatório é constituída por três belos jardins, cada um com um estilo distinto: italiano (centro), francês (norte) e inglês (sul), além de sanitários (limpos e cuidados no dia da visita), pergolados, fontes e gramados.
Após entrar pelo Portão Venderbilt, um jardim de estilo italiano se abre imediatamente a sua frente. É como um oásis repousante diante de seus olhos com um belo gramado verde e cercas vivas. É limitado ao norte e ao sul por alamedas de macieiras ("crabapples", que são macieiras compactas, quase silvestres que produzem maçãzinhas pequenas até 6 cm de diâmetro, muito azedas, ricas em pectina). Sua florada varia de meados de abril até a primeira semana de maio, dependendo do clima. No lado oeste tem uma pérgola de ferro forjado, forrada de glicínias que ficam acima de uma série de teixos e cercas vivas diferenciados. Uma bela fonte jorrando água como um gêiser a 4 m de altura apresenta-se na frente da pérgola, que em seu piso tem medalhões inscritos com os nomes dos 13 estados americanos originais.
Na parte Norte há um clássico jardim de estilo francês. No seu centro temos a escultura do alemão Walter Schott as "Três Bailarinas" que data de cerca de 1910. 
No lado Sul há um jardim no estilo inglês com flores durante durante todo o ano. No centro há a "Fonte Burnett", uma escultura de bronze com dois filhos, Mary e Dickon, personagens do livro "O Jardim Secreto" de Frances Hodgson Burnett ". A fonte foi criada por Bessie Potter Vonnoh e instalada em 1936. As crianças estão em um pedestal (Dickon tocando uma flauta e Mary escutando) no centro de um espelho d'água, onde lírios d'água flutuam no verão.

O Jardim do Conservatório é oficialmente designado como "Quiet Zone", oferecendo um ambiente calmo e colorido para um passeio agradável, um casamento intimista e/ou simplesmente para a leitura de um bom livro.

avifauna possui várias espécies de pássaros presentes no local, que nos chamam a atenção pelo seu cantar. 

Atenção!  restrição para andar de bicicleta, skates, patins e assemelhados. Cães só atrelados a guias. Como todos os parques públicos da cidade de Nova York não é permitido fumar no local.

Não há venda de alimentos e bebidas no interior do Jardim do Conservatório.

Na Rua 106th há entrada para portadores de necessidades especiais com cadeiras de rodas.

visitas monitoradas aos sábados às 11h (encontro na parte interna do jardim após entrar pelo Portão Vanderbilt) com duração média de 75 minutos, mas apenas entre os meses de abril e outubro, não havendo necessidade de inscrição prévia. Mais informações sobre o tour no telefone 00 XX 1 (212) 860-1370 ou no e-mail tours@centralparknyc.org.

Sinopse Histórica
O Jardim do Conservatório é o único jardim formal do Parque Central em Nova York. Leva o nome de um conservatório (estufas) que ficava no local de 1898 a 1934. Seu gestor usou as estufas para endurecer estacas lenhosas para plantações no Parque Central. Durante a "Depressão Americana", Robert Moses (1888-1981) considerou que a estrutura existente era muito cara para manter, o que levou a ser demolido durante uma grande renovação do parque em 1934. O jardim que substituiu o Conservatório foi desenvolvido pelos arquitetos Gilmore Clarke (1892-1982) e Betty Sprout (1906-1962) e abriu oficialmente em 18 de setembro de 1937. A entrada principal pela Quinta Avenida, como já descrevemos, é feita pelo Portão Vanderbilt, que foi transferido para lá da Mansão Vanderbilt, que ficava na rua 58 e foi substituída com a loja Bergdorf Goodman.
Por muitos anos, o jardim foi cuidado por voluntários do "Garden Club of America" e, em 1983, foi restaurado pelo "Central Park Conservancy", entidade que gere o Parque Central e que o mantém até hoje.

Vale a pena
  • Percorrer os vários jardins atentando para a flora diversa existente constituindo um belo cenário;
  • Participar de uma visita monitorada com jardineiro do local, que fala sobre a história do jardim e as espécies que o compõe e
  • Sentar-se num dos vários bancos existentes para ler um livro ou simplesmente relaxar, observando a paisagem.
__________________________________________________________________________________
Fontes: Websites do Jardim Conservatory (http://www.centralparknyc.org/things-to-see-and-do/attractions/conservatory-garden.html)  e "Central Park" (http://www.centralparknyc.org).
Colaboração: Ivone Costa e Ary Nisenbaum.
__________________________________________________________________________________

Veja vídeo feito no local, quando da visita  (sugerimos "clicar" no ícone compartilhar e usar o link do "YouTube" para uma melhor visualização).


A seguir, veja fotos tiradas no local (Atenção! Ao "clicar" em qualquer foto, abre-se, automaticamente, o modo de exibição "Tela Cheia" de seu computador e por meio de suas teclas "Setas" (➡⬆⬅), podem ser visualizadas todas as fotos tiradas do local).

0 comentários:

Postar um comentário

Seus comentários são muito importantes para o aprimoramento do site