domingo, 26 de junho de 2016

Parque Municipal Chácara do Jockey em São Paulo

Parque Municipal Chácara do Jockey
O Parque Municipal Chácara do Jockey, visitado num domingo, fica localizado no Butantã, zona oeste da cidade de São Paulo. Foram projetadas duas intervenções na antiga área que pertencia ao Jockey Clube de São Paulo, sendo que a primeira etapa foi inaugurada em 30 de abril de 2016. O parque, ainda em desenvolvimento para o final do projeto, tem no seu total 143.500 metros quadrados de área e já reúne várias atrações.
Horário de funcionamento:
6h às 18h 
Telefone:
(11) 3722-3264
Localização:
Rua Santa Crescência, 323, Av. Prof. Francisco Morato, altura do nº 5257 e Av. Pirajussara, altura do nº 4748, Butantã, São Paulo, SP
Ver no mapa

Como ir ao Parque Municipal Chácara do Jockey

  1. Ônibus - linhas de números 809L-10 Campo Limpo / Lapa, 8026-10 Jd. Ingá / Butantã, 746H-10 Jd. Jaqueline / Santo Amaro, 6250-10 Jd. Jaqueline / Terminal Bandeira, 8605-10 Terminal Campo Limpo / Terminal Bandeira, 8075-10 Terminal Campo Limpo / Metrô Butantã e 857A-10 Terminal Campo Limpo / Metrô Santa Cruz. Para saber outras linhas de ônibus, fornecendo origem e destino, ligue para o telefone 156  da PMSP ou pelo site da Sptrans (clique aqui).
  2. Bicicleta - pela Ciclovia Pirajussara (Av. Pirajussara / Av. Eliseu de Almeida) – paraciclos disponíveis nos Portões da Av. Prof. Francisco Morato, altura do nº 5257, e da Av. Pirajussara, altura do nº 4748.
  3. Carro - clique em mapa para traçar seu roteiro.

Estacionamento

Não há estacionamento para veículos no parque, mas há algumas poucas vagas em ruas próximas e por isso sugerimos utilizar o transporte coletivo.

Infraestrutura do parque Parque Municipal Chácara do Jockey

Campos de futebol, lago, skatepark (os praticantes de skate têm à disposição duas pistas oficiais, do tipo "bowl" e "street", construídas de acordo com os parâmetros da federação paulista da modalidade), quadra poliesportiva, playground e áreas de convivência, o Parque Municipal Chácara do Jockey conta com 150 luminárias LED, garantindo maior luminosidade e mais economia de energia elétrica, ampliando a sustentabilidade do equipamento. As calçadas do entorno foram requalificadas com piso tátil para deficientes alargadas em alguns trechos. O parque ganhou ainda um Centro de Educação Infantil (CEI) e uma Escola Municipal de Educação Infantil (EMEI).

A elaboração do projeto contou com a participação dos moradores do bairro. A primeira etapa da inauguração conta com a entrega de equipamentos de ginástica para idosos, uma base da Guarda Civil Metropolitana (GCM), Laboratório de Fabricação Digital (FabLab), quadra, vestiários, horta comunitária, playground, espaços de convivência com churrasqueiras e salão de festa, além de pista de caminhada. 

Considerando a dimensão e complexidade das obras e o compromisso da Prefeitura de São Paulo em abrir o equipamento ao público, as intervenções na propriedade foram divididas em duas etapas. A primeira, que permitiu a inauguração do Parque Municipal Chácara do Jockey em abril de 2016, contempla três áreas temáticas: Núcleo Contemplativo do Pirajussara; Núcleo Cultural das Baias e Núcleo Esportivo do Jockey. 

Já na segunda etapa, serão feitas obras de maior porte que envolve o restante das baias do Polo Cultural e Criativo Municipal da Chácara do Jockey, Ed. Pedro Augustín Pérez (UMAPAZ), novas instalações da Guarda Civil Municipal, ampliação dos sanitários e readequação dos antigos silos.

Flora do parque
Fragmentos remanescentes da Mata Atlântica foram preservados no projeto do parque.

Fauna do parque
É composta, principalmente, por um grande número de pássaros que ficam principalmente nas árvores do local.

Não há lanchonetes no interior do parque, por ora. Portanto, caso queiram, levem bebidas e alimentos de casa.

No tocante à segurança geral do parque, observamos vigias e policiais percorrendo-o.

Os banheiros merecem uma melhor atenção da administração do parque quanto à limpeza, devido ao grande número de usuários, especialmente nos finais de semana.

Há muitos trechos de terra no parque, levantando muito pó com o passar dos frequentadores. Vá com sapatos e roupas adequados.

Você pode levar seu cachorro, desde que estejam em guias. 

A utilização de skates, patins e bicicletas está restrita às áreas próprias para tais práticas.

História do Parque Municipal Chácara do Jockey


O bairro do Butantã, zona oeste da cidade de São Paulo, começou a ser ocupado por volta de 1930 num movimento de urbanização contíguo à antiga Estrada de Itapecerica (atual Av. Prof. Francisco Morato). Em 1946, a propriedade rural conhecida como Chácara do Ferreira foi adquirida pelo Jockey Clube de São Paulo com o objetivo de estabelecer um local adequado para a criação e treinamento de cavalos de corrida. 

Nos anos seguintes a Chácara funcionou como posto de monta e abrigo dos animais que disputariam os páreos no hipódromo de Cidade Jardim. 

Na década de 70 foi fundado o Clube Pequeninos do Jockey, voltado à formação de base de jogadores de futebol e, no período posterior, o terreno foi perdendo sua função original. 

Os moradores da região lutavam pela criação de um parque há mais de 30 anos. Em negociação feita pela Prefeitura, obteve a posse da Chácara do Jockey sem pagar indenização pela desapropriação do imóvel, abatendo a dívida de Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU) do Jockey Clube com o município. 

Após obter a posse, a Prefeitura iniciou diálogos com a população e, em acordo com a comunidade, iniciou as adaptações no terreno de 143,5 mil metros quadrados. A segunda etapa transformará o parque em um polo cultural nas antigas cocheiras e alojamentos de cavalariços, além de pequenas edificações onde funcionavam a administração e a residência do Gestor. Esses equipamentos abrigarão oficinas, estúdio de gravação, salas de produção e sala multiuso para dança, música, reuniões e apresentações cênicas. No Polo também funcionará o Laboratório de Experimentação e Inovação Audiovisual (LEIA).

Vale a pena no Parque Municipal Chácara do Jockey

  • Levar as crianças para brincar no playground e equipamentos existentes no parque;
  • Caminhar pelas pistas/trilhas do parque, observando a vegetação ao redor ;
  • Utilizar as boas pistas de skates para os aficcionados;
  • Usar as quadras poliesportivas à disposição dos frequentadores do parque e
  • Participar de atividades físicas e culturais promovidas no parque.
_____________________________________________________________________________________________________________
OBS.: Informações e programações sujeitas a mudanças e alterações.
Fonte dos textos: "Website da Prefeitura de São Paulo" (http://www.capital.sp.gov.br).
_____________________________________________________________________________________________________________


Veja vídeo do Parque Municipal Chácara do Jockey feito na visita  (sugerimos "clicar" no ícone compartilhar e usar o link do "YouTube" para uma melhor visualização).

Fotos do Parque Municipal Chácara do Jockey

Tiradas no parque no dia da visita (Atenção! Ao "clicar" em qualquer foto, abre-se, automaticamente, o modo de exibição "Tela Cheia" de seu computador e por meio de suas teclas "Setas" (➡⬆⬅), podem ser visualizadas todas as fotos tiradas do local).

Soccer designed by Derek Britton from The Noun Project

2 comentários:

  1. Esse parque é o verdadeiro descaso do governo do Fernando Haddad - PT com a população de SP. A politica de pão e circo não nos satisfaz mais !!!!
    Inaugurar um parque, sem as mínimas condições de acesso, higiene e locomoção, pois o piso é tudo de terra (poeira / barro).
    Não tem bebedouros, e somente alguns bancos !!!!
    Única coisa que foi realizada foram os gradis e algumas quadras.
    Péssima opção de lazer.

    ResponderExcluir

Seus comentários são muito importantes para o aprimoramento do site