quinta-feira, 15 de setembro de 2016

Primavera no hemisfério sul em 2016_Características

Em 2016 a Primavera teve início às 11h21 do dia 22 de setembro, quinta-feira. Com a chegada da nova estação, há uma mudança no regime de chuvas e temperaturas na maior parte do Brasil. 
Nas Regiões Centro-Oeste e Sudeste, as chuvas passam a ser mais intensas e freqüentes, marcando o período de transição entre a estação seca e a estação chuvosa. Durante a primavera, iniciam-se as pancadas de chuva no final da tarde ou noite, devido ao aumento do calor e da umidade que se intensificam gradativamente no decorrer desta estação. Em algumas ocasiões, podem ocorrer raios, ventos fortes e queda de granizo. 

Na Região Sul, ocorrem poucas alterações nos totais mensais de chuva, sendo o regime praticamente uniforme ao longo de todo o ano. Contudo, aumenta a ocorrência de raios e de “complexos convectivos”, sistemas que provocam grande quantidade de chuva em períodos relativamente curtos. 

No trimestre setembro, outubro e novembro, a maior parte da Região Nordeste encontra-se na sua estação seca, exceto no sul dos Estados do Piauí, Maranhão e no oeste da Bahia. 

No centro-sul da Região Norte, o período chuvoso inicia-se nos meses de outubro e novembro, com o aumento gradativo das pancadas de chuva e trovoadas. 

Na primavera, as temperaturas aumentam gradativamente nas Regiões Sul, Sudeste e Centro-Oeste. No Brasil Central, as temperaturas máximas podem atingir valores muito elevados em função da forte radiação solar e da maior freqüência de dias com céu claro. Contudo, neste período, ainda podem ocorrer incursões de massas de ar frio intensas e que podem causar declínio acentuado da temperatura no centro-sul do País. Nas Regiões Norte e Nordeste do Brasil, há pouca variação de temperatura ao longo do ano (Fonte: Centro de Previsão de Tempo e Estudos Climáticos - CPTEC do INPE).

Veja fotos de árvores/flores tiradas próximo ao início da Primavera no Parque do Ibirapuera em São Paulo (clique nas fotos e as visualizem em maior resolução).

0 comentários:

Postar um comentário

Seus comentários são muito importantes para o aprimoramento do site